causas do umbigo fedido
O tratamento do mau cheiro no umbigo dependerá da causa que está na sua origem.
Umbigo

Coceira no umbigo – O que é, causas e tratamentos



Existem coisas que aparecem em nosso corpo e nós nem damos nenhuma atenção. Uma pequena marca avermelhada no braço. O aparecimento súbito de uma marca na pele. Uma coceira em um local inesperado como a coceira no umbigo.

Por vezes, estas condições desaparecem sozinhas, sem repararmos, mas, noutros casos, elas permanecem durante mais tempo que o normal. Por esta altura está a ficar preocupado com a situação, mas será que há motivos para tal?

O que causa esta coceira no umbigo? E a coceira no umbigo na gravidez? Tem um significado diferente? Para a resposta a estas perguntas e outras, continue a ler este artigo que preparamos para si.

O que causa a coceira no umbigo?

piercing no umbigo coceira
Os piercings podem causar coceira na área.

Quando se discute sobre este tipo de coceira, a primeira ação deverá ser identificar a causa do problema. A lista de razões é enorme, com algumas das causas com resolução e explicação fácil e outras que requerem a visita a um profissional de saúde para um diagnóstico e tratamento médico.

  • Reação alérgica. A coceira no e à volta do umbigo pode ser explicada como uma simples reação alérgica. Neste caso, o culpado poderá ser um alérgeno tópico, na pele, em vez de algo que você tenha ingerido.
  • Infeção bacteriana. A coceira que você está a ter pode ser resultado de uma infeção bacteriana na zona do umbigo. Estas são causadas, normalmente, pelas bactérias Staphylococcus aureus e Streptococcus pyogenes.
  • Infeção fúngica. Sim, você leu isso bem. A sua coceira na zona da barriga pode ser gerada por um fungo, mais especificamente uma infeção por leveduras.
  • Pele expandindo. A coceira pode ser resultado da expansão ou esticamento da pele devido a uma gravidez ou uma hérnia umbilical. Estas condições causam a expansão e esticamento na zona do umbigo.
  • Eczema. O termo eczema cobre vários tipos de condições da pele. A mais conhecida é o eczema atópico. Esta condição tende a ser hereditária e faz com que certas porções da pele fiquem irritadas e inflamadas.
  • Piercing infetado. Se tem um piercing no umbigo, a coceira e as manchas vermelhas no local podem ser devido a uma infeção.
  • Psoríase. Uma erupção cutânea com comichão pode indicar psoríase, uma doença auto-imune que causa manchas vermelhas e escamosas na pele, para além da comichão.
  • Pé de atleta. É estranho associar estes dois problemas, mas a verdade é que você pode ter pé de atleta em seu umbigo. Pé de atleta é uma infeção fúngica e, se você não tiver cuidado com sua higiene e o tratamento deste problema, ele pode arrastar-se para seu umbigo.
  • Infeção urinária. Uma infecção do trato urinário pode causar erupções cutâneas ao redor da área do umbigo em crianças.
Leia ainda -   Umbigo inflamado - Causas, sintomas e tratamentos disponíveis

Como pode ver, existem várias causas possíveis para o seu problema. Agora vamos focar-nos na comichão no umbigo na gravidez e as suas causas.





Coceira no umbigo na gravidez

coceira no umbigo na gravidez
A coceira no umbigo é mais frequente na gravidez.

A gravidez é um dos fatores que mais contribuem para o aparecimento da comichão no umbigo. Quando você está grávida, seu umbigo expande para que seu corpo consiga alojar o bebê em crescimento. Com a expansão, a pele no abdômen fica cada vez mais seca, originando a comichão. As mulheres grávidas também podem encontrar problemas semelhantes com suas extremidades traseiras, uma vez que estas também se expande em preparação para o nascimento da criança. O importante é não coçar. Coçar só vai aumentar a irritação.

Tratamentos para a comichão no umbigo

Dependendo da causa da coceira no umbigo, existem vários tratamentos para as infeções no umbigo, assim como tratamento para problemas que não são causados por infeções. Como qualquer assunto relacionado com sua saúde, se não tem certezas sobre a causa, marque uma consulta com seu profissional de saúde.

Hidratar

Quando você tem coceira no umbigo durante a gravidez, o truque é hidratar e reparar a pele que está a ser esticada na área. Um creme hidratante ligeiro ou loção de calamina podem ajudar a acabar com a coceira. Outro bom hidratante é o óleo de vitamina E, que, para além de aliviar a coceira também ajudará na reparação da pele. Por fim, um banho de aveia ajudará com certeza a pele a ficar hidratada e na reparação.

Evitar irritantes

Para quem está a ter reações alérgicas, a solução para o seu problema passa por identificar o culpado e evitar o contato com o mesmo. Por exemplo, se a coceira surgiu após o uso de um novo gel de banho, opte por mudar para outro com compostos diferentes.

Leia ainda -   Mau cheiro no umbigo e umbigo fedido é normal? - Causas e tratamentos

Use sabonete e água

Manter uma boa higiene também é uma forma eficaz de se livrar da comichão que afeta seu umbigo e de prevenir futuros desconfortos. Por vezes, uma boa limpeza pode, por si só, eliminar grande parte das bactérias.



Não coce a área

Pode ser muito difícil, mas é importante que você não coce seu umbigo, especialmente se na origem da coceira está uma infeção ou se tem erupções cutâneas. Coçar pode aliviar no momento, mas também aumenta o risco da infeção se espalhar para outras partes do seu corpo.

Cremes anti-fúngicos

Infelizmente, é possível que você tenha mesmo de contactar seu médico para combater infeções bacterianas e fúngicas mais graves. Estes cremes podem ou não funcionar, dependo da causa do problema.

Se a infeção é muito grave, pode ser necessária uma ronda ou até duas de antibióticos para limpar a área.

Trate da comichão no umbigo!

Todo mundo fica com algo esquisito de vez em quando e a maioria de nós já tivemos algum tipo de coceira no umbigo. É quando essa coceira se torna mais dolorosa que é preciso fazer algo. Existem muitas causas possíveis, algumas mais sérias que outras, mas a maioria pode ser tratada com soluções caseiras.

Quando não tiver certeza do tipo de infecção, fale com o seu médico. Os remédios caseiros que fornecemos podem funcionar, mas se a infecção não desaparecer ou piorar, não hesite em receber a opinião de um médico. Abordá-lo logo no início pode levar a uma recuperação mais rápida e evitar problemas no futuro.



Esperamos que essas dicas e informações ajudem você na próxima vez que enfrentar a coceira no umbigo.



 




O conteúdo deste website é completamente informativo e não deve ser considerado como um diagnóstico médico. Procure um profissional de saúde para saber seu diagnóstico e opções de tratamento.