Gravidez

Grávida pode tomar chá de camomila? – Benefícios e riscos da camomila



Quando você caminha num supermercado, é normal encontrar uma enorme variedade de chás à venda, mas se está grávida, nem todos são aconselhados. Mas então, uma grávida pode tomar chá de camomila? Neste artigo vamos responder-lhe a esta pergunta e a outras relacionadas com o chá de camomila e a gravidez.

Camomila é um tipo de chá de ervas. Você pode gostar bastante de tomar uma chávena de camomila, mas alguns médicos recomendam que limite o consumo de chás de ervas durante a gravidez. Fique agora com os benefícios e riscos que este chá pode ter na sua saúde e na saúde de seu bebê.

Será que uma grávida pode tomar chá de camomila?

Existem de tipos principais de chá: de ervas e sem ervas. Chás sem ervas são feitos a partir das folhas das plantas de chá. Eles contém cafeína e mesmo as fórmulas descafeinadas possuem alguma cafeína.

É recomendado que grávidas e mães que estão a amamentar se mantenham afastadas, ou pelo menos limitem, o consumo diário de cafeína. Esta recomendação existe porque um bebê em desenvolvimento não consegue processar a cafeína tão bem como um adulto.

Esta recomendação inclui qualquer tipo de cafeína e não apenas a cafeína do chá. Existe cafeína em alimentos e bebidas, incluindo chocolate, café e refrigerantes.



As seguintes categorias incluem chás que não são herbáceos e contêm grandes quantidades de cafeína:

  • preto
  • verde
  • oolong
Leia ainda -   Benefícios da manga na gravidez - 9 benefícios comprovados

O que é um chá de ervas?

Os chás de ervas são feitos de várias partes das plantas. Eles são feitos das raízes, bagas e sementes de uma planta. Um verdadeiro chá de ervas está naturalmente isento de cafeína. Leia o rótulo para descobrir mais sobre alguns chás e o seu teor em cafeína.

Quais os benefícios do chá de camomila na gravidez?

grávida pode tomar chá de camomila
A ânsia de vômito é bastante comum numa fase inicial da gravidez.

Para a maioria das pessoas, beber chá de camomila tem benefícios para a saúde. Estes incluem uma boa dose de antioxidantes, a ajuda que dá com o sono e suas propriedades anti-inflamatórias.

O chá de camomila é conhecido por ter um efeito calmante e ajudar a prevenir resfriados e outras doenças. Além disso, beber chá de qualquer tipo pode ajudar a manter seu corpo hidratado.



Ainda assim, muitos médicos usam cautela em relação às mulheres grávidas que bebem chás de ervas, incluindo camomila. Isto ocorre simplesmente porque ainda não foram realizados estudos suficientes para garantir que não tem nenhum efeito na gravidez.



Riscos do chá de camomila na gravidez

O chá de camomila contém agentes anti-inflamatórios. Estes podem ser perigosos durante a gravidez, dependo do seu histórico médico, das quantidades que consume e de outros fatores.

Como com qualquer coisa na sua dieta durante a gravidez, fale do seu hábito de beber chá de camomila com seu médico. Alguns médicos podem sugerir limitar o valor que você bebe, enquanto outros podem preferir que você não o beba.

Opte por comprar chá de camomila no supermercado em vez de o fazer de forma caseira, visto que a versão comercial é totalmente segura e pode ser consumida por grávidas. Os chás de ervas que são vendidos em lojas usam ervas de fontes seguras. No entanto, desde que seu médico não proíba, a grávida pode tomar chá de camomila.

Leia ainda -   Quanto tempo demora para cicatrizar a cesárea por dentro?

O chá de camomila pode induzir o parto?

parto prematuro
Os nascimentos prematuros aumentam de ano para ano.

Talvez já tenha ouvido que o chá de camomila é capaz de induzir o parto. A verdade é que não existe nenhum estudo que confirme este mito e que não mostre que a grávida pode tomar chá de camomila.

Existem alguns chás de ervas que são desaconselhados pelos profissionais de saúde, pois podem introduzir contrações. Alguns exemplos são os chás cohosh azul e cohosh preto, mas o de camomila não é um deles.



Há chás de ervas que não são seguros para beber durante a gravidez?

Alguns chás de ervas são considerados mais seguros do que outros para mulheres grávidas. Chá de folha de framboesa vermelho e chá de urtiga são usados em muitos chás de ervas. Estes geralmente são considerados como sendo seguros para a gravidez.

Mas durante a gravidez, você deve ficar longe de qualquer chá de ervas comercializado para perda de peso, ou daqueles que podem ser usados como laxantes. Além disso, não beba chás que contenham qualquer tipo de suplemento nutricional. Isso ocorre porque os suplementos podem causar complicações ou interações com outros medicamentos que você tome no momento.

Fale com seu médico antes de experimentar novos tipos de chá.

Conclusão

Esperemos que suas dúvidas tenham ficado esclarecidas com este artigo. Grávida pode tomar chá de camomila e deve, exceptuando casos raros em que o médico a proíbe, pois ele possui várias propriedades que vão, com certeza, ajudar a progressão da gravidez e a saúde do bebê.






O conteúdo deste website é completamente informativo e não deve ser considerado como um diagnóstico médico. Procure um profissional de saúde para saber seu diagnóstico e opções de tratamento.