Costelas

Dor embaixo da costela – As 13 causas mais comuns

dor embaixo da costela esquerda
A dor epigástrica pode ser muito dolorosa.

Sente um desconforto estranho ou mesmo dor embaixo da costela? Estes tipos de dores podem ser bastante desconfortáveis e causar grande preocupação. A dor embaixo da costela não é comum, logo é importante que descubra as razões por detrás o mais rápido possível.

Sendo você ou um familiar a sofrer, lembre-se que encontrar a causa da dor é bastante importante para encontrar um tratamento rápido e eficaz. Por fim, é importante perceber que este tipo de dor está, normalmente, associado a problemas menos sérios, pelo que não se deve preocupar em demasia.

A caixa torácica

A caixa torácica consiste em 12 ossos horizontais, localizados em ambas as metades do nosso corpo, que servem para proteger os nossos órgãos internos como o coração e os pulmões. Existem vários tipos de dores que podem ser sentidas, tanto no lado esquerdo como no lado direito na parte embaixo das costelas, mas nem sempre essa dor está associada a um problema de saúde grave.

A maior parte destes tipos de desconforto na região embaixo das costelas é causado por pequenas lesões ou até mesmo pela prática intensiva de certos tipos de esporte. Nestas situações a dor deve desaparecer em poucos dias e o descanso é o tratamento mais eficaz.

A dor embaixo da costela pode variar de um leve desconforto até a uma dor forte e severa. A dor pode durar apenas alguns minutos ou prolongar-se por vários dias ou até semanas. Quando a dor é associada a uma lesão grave, é possível que um ou mais ossos das costelas estejam quebrados e nesses casos a consulta de um profissional de saúde é muitíssimo importante.

Causas para a dor embaixo da costela

Existem vários órgãos importantes que estão localizados na área do abdômen, perto da caixa torácica. Nesta zona vai encontrar os intestinos, rins, pâncreas, vesícula biliar, fígado e baço. A dor no lado direito pode ser um sintoma de lesão ou inflamação de um destes órgãos.

Fique agora com algumas das causas mais comuns que estão na origem desta dor.

Lesões

dor embaixo da costela
As lesões são a causa mais comum para a dor embaixo das costelas.

Este tipo de dor pode não ser causado por uma doença, mas sim por uma lesão simples ou até uma fratura. Este tipo de situações requerem uma rápida atenção médica, portanto não hesite em visitar ajuda especializada.

Os profissionais de saúde vão determinar a seriedade da lesão com recurso a um simples raio X no peito.

Doença da vesícula biliar (cálculos biliares)

A doença da vesícula biliar consiste na inflamação da mesma, que ocorre, na maior parte dos casos, devido a cálculos biliares. Esta doença costuma gerar uma dor recorrente embaixo da costela, do lado direito.

Os sintomas da doença da vesícula biliar são variados, mas os mais comuns são as náuseas, vômitos, febre e um ritmo cardíaco mais acelerado que o normal. Quando os cálculos bloqueiam o fluxo biliar a dor pode ser bastante intensa, sendo que o tratamento inclui a remoção cirúrgica ou medicação aconselhada pelo profissional de saúde.

Leia ainda -   Dor na costela esquerda abaixo da mama - 12 causas possíveis

Pedras nos rins

Para além dos cálculos que se podem formar na vesícula biliar, as pedras nos rins são outro problema semelhante a ter em conta. Geralmente estas pedras são eliminadas pela urina, sem o paciente dar conta, mas se forem grandes o suficiente, podem ficar presas nos canais na urina e causar uma dor intensa e sangue na urina.

Este problema vai causar dores na parte inferior das costas e abdômen, febre, náuseas e vômitos.

Costocondrite

Não sabe o que é? Não se preocupe. A inflamação dos músculos da caixa torácica é denominada por costocondrite. O maior sintoma é o aparecimento de uma dor forte embaixo da costela, principalmente do lado direito. É comum vir acompanhado com dor de garganta, fadiga e febre. Esta condição pode ser gerada por lesões, tensão física, algumas infeções virais, fibromialgia e doenças respiratórias do trato superior.

Um facto interessante é que os sintomas da costocondrite são bastante semelhantes à dor na área do tórax causada por um ataque cardíaco, por isso esta condição pode ser muitas vezes confundida com sintomas das doenças cardiovasculares. Outros sintomas da costocondrite são a dor ao respirar, tosse e dificuldade em respirar.

Esta condição é geralmente tratada com recurso a anti-inflamatórios.

Problemas de fígado

Este é provavelmente um dos diagnósticos mais comuns para a dor embaixo da costela. A inflamação, lesão ou infeção do fígado causar estes tipos de dores.

O que é importante saber é que esse desconforto que sente pode ser causado por problemas sérios no fígado, que podem até por sua vida em perigo em casos mais graves. A hepatite, que pode ser causada não apenas pelo alcoolismo, mas também por infeções virais pode estar no centro deste tipo de dores. Ela terá sintomas que por vezes não são muito claros, como febre, fraqueza, fatiga e dor abdominal, normalmente focada embaixo da costela direita.

Mas não é apenas a hepatite que pode causar a dor embaixo da costela. Fígado gordo (Esteatose Hepática), insuficiência cardíaca congestiva, entre outras doenças, podem causar a infeção do seu fígado.

Câncer de fígado

Este problema é tão sério que achamos que seria importante separá-lo dos problemas do fígado. Como outros tipos de câncer, o câncer de fígado ocorre porque as células se multiplicam fora do controle no fígado, destruindo as células saudáveis.

Na maior parte dos casos, este tipo de câncer surge por alcoolismo ou hepatite B ou C. Os sintomas mais comuns do câncer de fígado são a febre, inchaço abdominal, icterícia, urina com uma cor mais escura, perdas de peso sem explicação e dor embaixo da costela, principalmente do lado direito.

É muito importante consultar o seu médico toda vez que sente uma dor forte em torno da área do fígado. O diagnóstico de doença hepática precocemente pode certamente ajudar a prevenir condições mais graves de saúde.

Pancreatite

A dor persistente no lado direito do abdômen deve levá-lo a visitar um profissional de saúde. Algo pode estar errado com o seu pâncreas, que quando se encontra infecionado ou inflamado pode gerar uma dor aguda sob a caixa torácica no lado direito.

Esta dor pode espalhar-se para os lados e costas. Uma dieta pouco saudável com refeições muito pesada e o excesso de ingestão de álcool são algumas das causas mais comuns da pancreatite. Para além da dor na área embaixo da costela direita, febre, pele amarelada, vômitos e ritmo cardíaco acelerado são alguns dos sintomas que podem surgir com esta doença.

Leia ainda -   Dor embaixo da costela esquerda - 8 causas possíveis e tratamentos

Síndrome do Intestino Irritável

A Síndrome do Intestino Irritável é uma doença crônica relativamente comum que afeta o intestino grosso e que causa problemas como dor no abdômen e embaixo da costela.

Estresse e determinadas dietas podem causar a síndrome do intestino irritável, mas as suas causas ainda não são muito claras.

Doença de Crohn

A Doença de Crohn é uma doença inflamatória crônica do intestino muito grave que afeta principalmente jovens adultos.

Esta doença manifesta-se através de uma dor, geralmente intensa, embaixo da costela do lado direito. Existem outros sintomas associados a esta doença como diarreia, perda de peso, sangue nas fezes, úlceras, flatulências, febre, falta de apetite e outros desconfortos na zona abdominal.

Úlceras

As úlceras de estômago também podem se a razão pela qual sente dor embaixo da costela. Estas úlceras são feridas no estômago que são especialmente dolorosas quando o suco gástrico entra em contato, visto que o mesmo é extremamente ácido.

Os sintomas mais comuns são a náuseas e vômitos, dor e queimação embaixo da costela, fezes escuras ou avermelhadas e sensação de estômago cheio.

Este tipo de úlceras podem aparecer devido a estresse, má alimentação ou através da presença da bactéria Helicobacter pylori, como ocorre na maior parte dos casos.

Apendicite

A apendicite consiste na inflamação do apêndice e que causa uma dor intensa no lado direito do corpo, embaixo da costela.

É um problema que afeta 7% da população global e manifesta-se por uma dor intensa no lado direito, enjoos e vômitos, febre, calafrios, diarreiae uma dor em volta do umbigo.

O tratamento deste problema consiste na remoção rápida possível do apêndice, através de cirurgia, pelo que se suspeitar que sofre de apendicite, deve visitar as urgências o mais rápido possível.

Casos especiais

Durante a gravidez

gravidez pode causar dor embaixo da costela
A gravidez faz grandes alterações no corpo da mulher.

A dor embaixo da costela também pode ocorrer durante o período de gravidez, uma vez que ocorre uma enorme alteração hormonal e física, como o aumento do tamanho do útero e seios.

Durante uma corrida

A dor embaixo da costela é algo comum quando estamos a correr. Ela pode ocorrer por vários motivos, como pelo desgaste físico que a corrida causa ou pela ingestão excessiva de líquidos antes da mesma.

A respiração irregular e a desidratação também podem levar a este tipo de dor.

Devo-me preocupar com a dor embaixo da costela?

Esta questão é difícil de responder e depende muito do tipo de dor que sente. É forte? É frequente? Quanto tempo dura? Você pode sentir alguma diferença depois de tomar paracetamol ou ibuprofeno? A dor ocorre apenas em uma situação especial, durante certo tipo de movimentos? Sente esta dor durante a noite? Que sintomas acompanham esta dor? Estas são algumas das perguntas às quais você deve responder e se possível transmitir ao seu médico.

Lembra-se de que não deve ignorar dores fortes ou prolongadas nessa área, visto que existe um número infindável que doenças que podem estar na origem dessas dores.

Dor embaixo da costela – As 13 causas mais comuns
5 (100%) 1 voto
Drª. Larissa Carvalho

Drª. Larissa Carvalho

Drª. Larissa Carvalho, formada em Medicina pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública e especialista em Clínica Geral.

Criou o Saúde SOS para permitir um acesso simplificado a artigo na área da saúde e bem estar.

Comentar

Clique aqui para comentar

O conteúdo deste website é meramente informativo e não deve ser considerado como um diagnóstico médico presencial. Procure um profissional de saúde para saber seu diagnóstico e opções de tratamento.